Ceviche Peruano

foto 2 (6)

Hoje a receitinha é pra quem é fã de um peixinho cru! O ceviche é uma comida típica do Peru, falei um pouco sobre ele aqui, aqui e aqui. Desde que provei o ceviche me apaixonei! O sabor é maravilhoso! O verdadeiro ceviche peruano é “cozido”  em um suco de limão temperado e apimentado que se chama “leche de tigre”. Alguns ingredientes típicos são usados para compor esse prato e são:o milho típico do Peru que se chama “choclo”, esse milho é grandão, diferente do que temos aqui; a pimenta típica que se chama “rocoto” e é mais forte do que a dedo de moça que usamos como substituta por aqui e por fim vem a batata doce que se chama “camote”. Ela também é diferente, pois é mais alaranjada e tem um gosto um pouco parecido com abóbora japonesa, mas bem pouco. Quem conhece meu marido sabe que ele não cozinha nada, mas dessa vez ele fez questão de ir pra cozinha e preparar o ceviche! Acreditam?? Rsrs…Ele mandou SUPER bem no cevichito!!!

O nosso ceviche faltou o milho e a batata doce, esqueci de colocar… mas se você for usar é só cozinhar a espiga de milho e a batata doce e usar ok?

  • Rendimento: Serve 2 pessoas
  • Custo: ★★★★★
  • Dificuldade: ★★★★★

INGREDIENTES

  • 2 filés grandes de Robalo bem limpo e cortados em cubinhos médios
  • Suco de 4 limões Tahiti (para amenizar a acidez pode usar 2 tahiti e 2 siciliano)
  • 1 pimenta dedo-de-moça sem sementes e em fatias fininhas
  • 1 cebola roxa cortada em meias-luas bem fininhas
  • 1 punhado de coentro picadinho
  • Sal a gosto
  • Gelo

MODO DE PREPARO

Antes de cortar os filés de Robalo eu os coloquei em uma vasilha com pedras de gelo para ficarem bem geladinhos. O peixe geladinho é uma das características marcantes do ceviche!

Corte os filés em tiras e depois cubinhos médios e vá colocando em um recipiente;

Corte a cebola, pimenta e coentro bem picadinhos;
Ceviche Peruano

Junte os ingredientes picadinhos e suco dos limões ao peixe já cortadinho e mexa bem. Deixe marinando por uns 5 minutinhos até o peixe ficar esbranquiçado, isso significa que ele está “cozido” pelo limão.

foto 3 (6)

foto 5 (3)

Se for usar o milho e a batata junte nessa hora. Misture levemente o milho e a batata coloque delicadamente por cima. Como nós não usamos, colocamos em uma taça e servimos assim:

foto 2 (6)

 Dicas: Você pode usar outro peixe branco de sua preferência, como por exemplo o Linguado; O milho você pode usar de caixinha se ficar com preguiça de cozinhar a espiga; O peixe tem que estar realmente BEM limpo pra que fique apenas o filé bem macio.

Essa receita nós seguimos por esse vídeo que vimos na internet. Ele explica passo a passo e por isso fica bem fácil!

E aí, vão animar fazer??

Obrigada pela visita!

Beijos,

Poly.

 

Jucy Lucy Hamburgueria em Lima/Peru

DSC_5190

E já que hoje é o dia internacional do hamburguer (28/05), nada melhor do que um post sobre hamburguer!!! Ainda no roteiro gastronômico de Lima, fomos em uma hamburgueria fofa no bairro de Miraflores. Há muitas versões sobre a história do hamburguer… “É comum ouvirmos dizer que ela foi criada em Hamburgo, na Alemanha, em meados do século 17 – e até por isso ela levaria o nome de “hambúrguer”. No entanto, segundo Ulli Fuchsloch (sócio-diretor do restaurante Prime Burguer, em São Paulo), a origem do sanduíche é bem mais antiga. Fato é que, no Brasil, o prato ficou popular por volta dos anos 50. Foi quando o tenista norte-americano Robert Falkenburg abriu a primeira lanchonete Bob’s em Copacabana, no Rio de Janeiro, em 1952″. ( R7)

Algumas fotos da Jucy Lucy. Recomendo a visita.

DSC_5175 DSC_5181 DSC_5185 DSC_5182 DSC_5180 DSC_5178 DSC_5186 DSC_5187 915714_k3XYMMnsRs67-Tj_u8S7faUSPKEV6NI8P4iBwLyY8c4

Hoje existem muitas hamburguerias excelentes. O conceito do hamburguer mudou muito nos últimos tempos, o que antes era considerado apenas um lanche se tornou uma refeição muito comum. Em lima tem também a hamburgueria do chef Gaston Acurio: Papacho’s, com um lema que “Todo es hamburgueseable”

A Jucy Lucy fica na Av. La Mar 1328 (José de Choquehuanca), Miraflores, L18.

Beijos!

Poly!!!

 

Gastronomia Peruana | Mango’s Restaurant

Mais um local muito gostosinho para se comer em Lima é o restaurante Mango’s, que está localizado dentro do shopping a céu aberto Larcomar. Esse pequeno shopping é um passeio a parte também, é muito gracioso e cheio de comidas gostosas, cafezinhos e sorvetes maravilhosos! O Mango’s tem uma vista incrível para o mar. Estava uma tarde muito agradável quando fomos almoçar aqui, sentir a brisa do mar no rosto e contemplar a belíssima vista do oceano pacífico tornaram esse almoço um momento inesquecível!

Eles tem a opção de um belo buffet variado com comidas típicas do Peru e também opções a la carte, que foi a nossa pedida! O custo benefício aqui é muito bom, perfeito para quem quer um lugar bonito e não gastar tanto.

mangos

Visão do piso superior…

Sem título

A vista…

foto

DSC_4747

01

03

02

As comidas…

DSC_4752

Tomamos Inca Kola todos os dias que tivemos lá. É uma delícia!

DSC_4753

De entrada pedimos um Ceviche de pescado com calamares… A decoração os pratos sempre linda!DSC_4756

E depois um Lomo Saltado delicioso

DSC_4757

Mais uma opção para o seu roteiro gastronômico! Veja também: La Rosa Nautica, Astrid y Gaston.

Beijos,

Poly!

 

Mercado Central em Lima

DSC_5198

Hoje o passeio é pelo mercado central de Lima! No último dia fomos passear pelo centro de Miraflores e chegamos ao chamado Mercado 1. É um lugar que você encontra de tudo!!! Achei bem diferente do nosso mercado municipal aqui de SP, pois lá tem mais variedades de produtos e também é mais “informal”.  Tirei algumas fotos para mostrar a vocês como é! Acompanhem 🙂

As frutas são vistosas e bem coloridas…

DSC_5202

DSC_5201

DSC_5200

DSC_5219

DSC_5220

As hortaliças também são muito vistosas e todas fresquinhas…

DSC_5221

DSC_5222

Nessa foto tem o milho roxo, muito comum no Peru.

DSC_5211

Essas espigas de milho em destaque são os choclos. Milho sempre presente nos pratos, principalmente nos ceviches…

DSC_5207

Como falei, lá você encontra de quase tudo. E as carnes são vendidas assim também! Euzinha particularmente, não compraria de jeito nenhum rsrsrs. Essa parte não é muito higiênica porque as carnes ficam assim expostas…DSC_5212

Genteee, pára tudo! Isso é um cabrito! kkkkkkk Esperando algum comprador! OMG! RsrsDSC_5210

DSC_5217

As galinhas ficam todas depenadas e expostas em balcões como esses! Increíble! Rsrsrs

DSC_5204

Também tem frutos do mar…

Os grãos e condimentados…

DSC_5208

DSC_5209

Pimentas, milhos, alhos, cebolas…

DSC_5214

Especiarias e frutas secas…

DSC_5216

Temperos…

DSC_5223

E mais temperos…DSC_5224

Sem título

Foi muito gostoso e diferente conhecer o mercado central de uma cultura diferente! Recomendo a visita.

Beijos,

Poly!

 

Gastronomia Peruana | Astrid y Gaston

DSC_5017

Continuando as dicas gastronômicas sobre Lima, hoje a indicação é o restaurante do renomado Chef Gastón Acurio, o Astrid y Gaston. Está entre os melhores do mundo e  “no ano de 2013 recebeu o prêmio de melhor restaurante da America Latina, em disputa organizada pela revista britânica Restaurant. O restaurante foi aberto em 1994, logo após Gastón Acurio e sua esposa, Astrid Gutsche, regressarem de Paris já formados pelo instituto Le Cordon Bleu. A princípio o conceito do restaurante era a culinária francesa, que foi mudando com o decorrer do tempo e com o trabalho de desenvolvimento e valorização da culinária peruana, feito por Gastón. Hoje, o restaurante Astrid y Gastón se descreve como cocina peruana e possui franquias nos seguintes países: Argentina, Chile, Colômbia, Equador, Espanha, Inglaterra, México, Panamá, Venezuela e Brasil, com a filia do La mar em SP”. Apesar de toda a fama, restaurante não é nada muito formal… O ambiente é muito descontraído e as pessoas se vestem de forma casual, deixando todos muito à vontade.

Então vamos ao que interessa, a comida e estrutura do lugar!

O restaurante fica em um casarão no bairro de Miraflores, o lugaré bem aberto e muito aconchegante, com música ambiente e os garçons são muito atenciosos. Eles explicam o que são os pratos e como são feitos, todos eles provam todos os pratos quando começam a trabalhar lá e também quando são criados novos pratos. Achei muito bacana a cozinha  aberta, onde os clientes podem se sentar no balcão para comer e ao mesmo tempo ver tudo que preparam. Tudo é muito limpo, organizado e moderno.

DSC_5035

Da mesma forma é o bar do restaurante…

DSC_5037

As cadeiras são muito confortáveis e charmosas. Sobre as mesas tem um vasinho com alguma erva aromática…um charme!DSC_5027

Muito capricho nos detalhes!
DSC_5028

Minha amiga querida que nos recepcionou com tanto carinho e cuidou de fazer a reserva antes mesmo de chegarmos para garantir a nossa ida lá!  🙂

1939405_800242476662293_4316257956574918254_o

Parte das louças ficam expostas…. E observem em cima da cristaleira, as ervas aromáticas!

DSC_5029

De entrada nos serviram esses pães, que são maravilhosos!
DSC_5039

Acompanhados de um azeite com um sabor incrível, azeitonas temperadas e crisps de curry!!!DSC_5040

Escolhemos um Ceviche misto que também estava uma delícia!
DSC_5044

Logo em seguida comemos essa salada morna com ostras, tomatinhos, vagens, cebolinhas e outros ingredientes deliciosos.

DSC_5047

Bom, até agora tudo já estava “deliciosamente delicioso” 🙂 Mas quando chegou o prato principal quase comemos de joelhos! Pedimos essas Entrecostillas que vieram acompanhadas de um purê maravilhoso e um molho saborosíssimo. Essas costelas ficam cozinhando por 48h antes de serem servidas! Você acha que estava macia???!!! Geeente… não dá pra explicar o quão saboroso é esse prato!!! Dá água na boca só de escrever ahahaha.
DSC_5049

E…. foi o que sobrou!!! Pode parecer pouco na foto, mas não é! As costelas são carnudas e suculentas, serviram bem 4 pessoas!

DSC_5052

Para acompanhar as Entrecostillas, outra saladinha morna com o sabor totalmente diferente da primeira. Toda essa cebola que vocês estão vendo aí, não tinham gosto nenhum de cebola… Era uma mistura de temperos sem igual!DSC_5051

E por último a sobremesa, como era de se esperar não deixou em nada a desejar! Pedimos Churros servidos com Sorvete de Quinua e Espuma de Doce de Leite!!!
DSC_5056

Preciso dizer que tava bom???!!!

DSC_5057

Se você está planejando ir á Lima, não pode deixar de conhecer o Astrid y Gaston. Importante dizer que o restaurante é concorridíssimo e você precisa fazer reserva com antecedência.

Tem uma horta bem na entrada do restaurante, como fomos a noite não deu para fotografar, mas no site consegui uma foto para mostrar aqui pra vocês.

Sem título

O valor para o casal fica em torno de R$ 200,00! Posso dizer que vale MUITO a pena incluir no seu roteiro de viagem! Não nos arrependemos em nada!

DSC_5025

A experiência de comer aqui foi maravilhosa. A comida é preparada para ser realmente saboreada tentando reconhecer cada tempero, o que é impossível porque são muito harmônicos. Essa foi mais uma indicação gastronômica pra você que gosta de boa comida e pensa em algum dia ir à Lima! 🙂

Beijos,

Poly.

 

________________________Curta Na Cozinha da Poly no facebook_____________________________

 

 

 

Gastronomia Peruana | La Rosa Nautica

la-rosa-nautica-restaurante

Bom dia pessoal 🙂 Recentemente tive a oportunidade de visitar Lima – Peru e conheci um pouco dessa gastronomia peruana que é maravilhosa! Muito peixe, frutos do mar e temperos marcam o sabor da cozinha peruana. Ainda tive a sorte de ter uma grande amiga que já está morando há algum tempo em Lima o que nos ajudou muito nos nossos passeios gastronômicos! Ficamos hospedados no bairro de Miraflores, um dos principais bairros da cidade onde tem muitos restaurantes e outras atrações.

Pensei em fazer um post só com todas as dicas, mas não conseguiria colocar riqueza de detalhes para cada um deles como merecem e além disso demoraria muito para preparar tudo. Então vamos começar por um lugar lindo e com uma vista incrível, o restaurante La Rosa Nautica. Ele fica localizado em um pier sobre o mar do pacífico no bairro de Miraflores, um lugar muito agradável com música ambiente onde você pode desfrutar de cada prato com calma e apreciando o mar ao redor. Eu preferi ir durante o dia  para aproveitar vista,e claro que eu ameii! O lugar é uma atração à parte.

DSC_4571

Almoçamos nessa mesa coladinha na janela. O som das ondas batendo nas pedras e as gaivotas voando a toda hora contribuíram para uma experiência muito inesquecível!DSC_4577

Um dos salões do restaurante…DSC_4575

Eu nunca tinha comido Ceviche, e esse é um dos pratos principais da gastronomia peruana, então começamos por ele mesmo.

Ceviche de linguado. O milho, a batata doce local e a pimenta vermelha (choclo, camote e rocoto) sempre estão presentes nesses pratos. Esse copinho ao lado é o que eles chamam de Leite de Tigre, se come junto com o Ceviche e também é bem apimentado. Esse molho na conchinha é à base da rocoto (pimenta). Se não gostar de pimenta não abuse dele rsrs.

DSC_4581

Depois pedimos um lomo saltado (prato de carne com legumes fritos e regados com molho de soja e pimenta)

DSC_4589

E um salmon al contrario. A maciêz desse salmão foi algo surpreendente, derretia na boca!

DSC_4588

A decoração do lugar é muito graciosa e aconchegante…

DSC_4567

Aqui tem as lojinhas de artesanato local…

10247368_678004212235790_430586742091919701_n

E quanto custa comer nesse lugar??? Bom, uma refeição sai aproximadamente R$ 100,00 por pessoa. Sei que não é barato, mas além da comida se paga também pela vista e fama do restaurante que acaba sendo um ponto imperdível para quem visita Lima. E posso dizer que vale a pena incluir no orçamento da sua viagem.

la-rosa-nautica-restaurantte

As gaivotas fazem parte da paisagem!

la-rosa-nautica-restaurantee

Visão panorâmica….

DSC_4637

Essa foi a 1° parte de uma série de posts com dicas sobre a gastronomia peruana. Espero que tenham gostado da indicação 🙂

Beijos,

Poly.

—————————————Curta Na Cozinha da Poly no facebook———————————————-